Atlantica inicia novos negócios em 2012

Fonte: Atlantica Hotels
Autor: Atlantica Hotels - 28/03/2012

Região integra estratégia de fortalecimento da presença, com entrada em novas cidades

Março 2012 - Mantendo sua aposta inicial, Atlantica Hotels International, maior administradora de hotéis de capital privado da América do Sul, continua a garantir sua expansão nos novos polos de negócios do país, especialmente em cidades do interior e em capitais em desenvolvimento. Nos primeiros meses do ano, a empresa firmou dois novos contratos nas cidades de Valparaíso (GO) e em Goiânia, capital do Estado, onde terá seu terceiro empreendimento.

Para 2014, está prevista a abertura do Comfort Hotel Valparaíso, com134 apartamentos, piscina, fitness center e salas para eventos. Localizada a 35 km do Distrito Federal e a 185 km da capital Goiânia, Valparaíso é âncora econômica na região e uma das principais economias do Estado. Em 2015 será a vez do início das operações do Quality Hotel Goiânia. O empreendimento terá 180 apartamentos e fará parte de um complexo imobiliário com lojas, escritórios e restaurantes, valorizando ainda mais o negócio. Os dois hotéis serão construídos por investidores locais.

Valparaíso faz parte do porto secodo Distrito Federal, local de grande densidade industrial que tem o objetivo de atrair grandes empresas. Pelo forte atrativo industrial, a região será beneficiada por um programa de Arranjo Produtivo Local (APL) do setor moveleiro, para aumentar a competitividade dos profissionais e fortalecer as pequenas empresas. “Regiões como esta, que se apresenta em adiantado estágio de desenvolvimento carecem de infraestrutura para apoiar a expansão dos negócios e a hotelaria de qualidade, certamente faz parte deste arsenal de apoio”, diz Mateus Cabau, diretor de Desenvolvimento da Atlantica Hotels.

Em Goiânia, a Atlantica Hotels quer fortalecer sua presença, onde já opera dois empreendimentos com sucesso: Comfort Suítes Flamboyant e o Sleep Inn Goiânia. “Vamos reforçar nossa presença na categoria Midclass onde acreditamos estar a maior fatia para o turismo de negócio, junto com a categoria Superior, para a qual temos quatro bandeiras, entre elas a Comfort Suítes”, informa o executivo. 

Do total de operações atuais, quase 25% estão espalhadas por cidades e capitais antes classificados secundários dentro do cenário econômico brasileiro, mas que hoje formam uma grande vitrine de oportunidades para o crescimento do país. De acordo com o IBGE, cidades com menos de 500 mil habitantes estão entre as que mais crescem, com taxas na ordem de 1,5% a 3% ao ano, enquanto 46% das cidades brasileiras têm avanço nulo ou no máximo de 1,5%.